Egas

2018/22

em obra
Amadora



Dois terrenos. Dois imóveis. Uma casa; um armazém. Ao centro um pátio. Este era o ponto de partida.

O projecto é o de uma casa contemporânea que abraça aquilo que outrora se dividia com um muro. A opacidade dá lugar ao vidro. O pátio mantém-se ao centro. Abrindo-se agora, para ambos os volumes.